sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Post Mortem - Cartas para mim

“À duração da minha existência dou uma significação oculta que me ultrapassa. Sou um ser concomitante: reúno em mim o tempo passado, o presente e o futuro, o tempo que lateja no tique-taque dos relógios. Venho de longe – de uma pesada ancestralidade”. Clarice Lispector

Quando forem passados tantos invernos e eu desconheça se é noite ou se é dia, ao olhar no espelho e perceber as marcas talhadas pelo tempo, que eu tenha capacidade de reviver as lembranças que fui esquecendo. A saudade preenche os corredores de ausências e bate na porta da memória, para reviver os choros sem razão, os momentos de perdão e erros cometidos por ilusão. Reafirmarei que sou feita de desistências sem motivos, de sonhos incontidos, noites mal dormidas, amores sem pontos finais e urgências excessivas. Sentirei por tudo aquilo que não esqueci, conheci, vivi e não amei. Tocarei instantes que não mudei e medos que enfrentei. De quando fugi para não enfrentar e sorri querendo chorar. Me fará falta as palavras que não disse, os abraços que não dei e o amor que e não quis receber. Viverei do findo, desprezando emoções fracas que não despertam paixão, ódio ou amor. Despertará em mim a efemeridade que estremece dos ossos as entranhas essas permanecerão.

Keli Wolinger

10 comentários:

  1. "Sentirei por tudo aquilo que não esqueci, conheci, vivi e não amei". aiai falo nada.

    fazia tempo que não via Clarice por aqui.

    Bjus kelii

    ResponderExcluir
  2. Sentirei por tudo aquilo que não esqueci, conheci, vivi e não amei.
    Profunda palavras...

    Bom domingo amiga.

    Obrigada pela sua companhia.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  3. "Reafirmarei que sou feita de desistências sem motivos, de sonhos incontidos, noites mal dormidas, amores sem pontos finais e urgências excessivas."

    Sempre me encontro aqui, percebe?


    Maravilhoso!

    ResponderExcluir
  4. me fará falta a palavra q não disse...uma verdade como por veses nos faz falta ter em algum momento da vida falado algo, um pouco mais ou quem sb até ter calado, bela postagem, pra vc bjos, bjos e bjossssssssssssssss

    ResponderExcluir
  5. Brunno...

    Reside na corrida atrás do tempo o combustível da roda que gira a vida.

    Bjos,
    Keli

    ResponderExcluir
  6. Júlio,

    Ver-te por aqui faz bem.

    Abraços,

    Keli

    ResponderExcluir
  7. Ana... iluminada!

    Obrigada pelas palavras. Elas definem a essência de cada sentimento trazido no peito.
    Bjos,

    Keli

    ResponderExcluir
  8. Priscila,

    Fico feliz que se sinta bem, em casa nesse espaço.

    Bjos,

    Keli

    ResponderExcluir
  9. Wenderlen...

    Sempre nos fará falta a coragem que não tivemos ante as adversidades.

    Bjos,

    Keli

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Outros Tempos